Bem vindo(a) a eucorro.com!

Novidades


QUINTA-FEIRA, 16 DE JULHO DE 2015

Dark Runners na Maratona de Revezamento




Dark Runners - Amplie
Dark Runners - Foto: Sandro Cabral

Quando iniciei nesse universo corrida, sempre procurei conhecimento em revistas especializadas. Gostava de ver as matérias das empresas que investiam na qualidade de vida de seus colaboradores, disponibilizavam orientadores e em alguns casos, até flexibilidade de horários. Assim nasceram vários grupos de corridas nas grandes capitais.

Em Maringá o incentivo das empresas na corrida ainda é muito embrionário, mas um grupo de jovens talentosos, vibrantes e exalando energia, resolveram se unir, mudar o astral do ambiente de trabalho e consequentemente a qualidade de vida do grupo.

Impulsionados pelo sucesso da Maringá Running, algo que eles vivem no seu dia a dia, simplesmente deram as mãos e com muita criatividade, criaram o nome do grupo, layout de camiseta, descolaram treinamento e assim como seu personagem símbolo (morcego), surgiram na corrida noturna.

Agora, eles querem e prometem mais, vão dar o sangue e alçar novos voos. Continuar com a sequencia de treinamento e participar pela primeira vez da maratona de revezamento Vanderlei Cordeiro de Lima. Para entendermos melhor, a atleta mais experiente do grupo nos fala mais sobre a criação do grupo e os novos desafios. Abrimos aspas para ela.

Procurei palavras para descrever a emoção e alegria que senti e ainda sinto ao lembrar o que foi a 2ª etapa do Circuito de Corridas Maringá Running, realizado em 20 de junho. No dia 13 de maio eu e minha equipe de trabalho lançamos um desafio pessoal e de equipe: Corrermos juntos a Unimed Night Run pelo Meio Ambiente. Começamos nossos treinos faltando 30 dias para a prova. Nosso grupo, composto por pessoas que jamais tinham corrido, tornou o desafio ainda mais especial. O momento era de se superar. Contamos com a gentil colaboração do profissional Guto Takatuji que ofereceu seu conhecimento e nos ajudou com os treinos. Nosso objetivo era concluir a prova em segurança, sem lesões.


Suelen Servilheri - Amplie
Suelen Servilheri
Os treinos aconteciam sempre no final do expediente e eram realizados cheios de sorrisos, piadas, algumas dores, mas, principalmente, repletos de aprendizado e satisfação em cada quilômetro percorrido. O cansaço, frio e demais compromissos não nos impediram e em momento algum pensamos em desistir.

A criação do nome do grupo e camisetas foi pensada em conjunto. Quantas ideias brilhantes, meu Deus, como somos capazes. Ficamos radiantes quando em mãos vimos nosso sonho sendo realizado.

Nesses 30 dias estreitamos ainda mais os laços de amizade e companheirismo. Era visível a cada dia que passava nossa ansiedade para o esperado 20 de junho.

Faltando alguns minutos para a largada me emocionei ao colocar em cada um de meus amigos da vida, do trabalho e agora da corrida seus números de peito. Meus olhos lacrimejaram de alegria. Curtimos os minutos que antecederam a prova e por fim passamos pela linha de largada. Era visível a alegria no rosto de cada um de nós. Alguns trouxeram torcida, outros sozinhos, mas todos com incentivadores mesmo que não presentes.

O que dizer do percurso, pura injeção de adrenalina, alegria contagiante do começo ao fim. Pelas belas ruas de nossa querida Maringá, deixamos registrada nossa marca, somos os Dark Runners, movidos a desafios, temos orgulho de nossa equipe, da nossa forma de ser, somos autênticos e fazemos tudo com amor.

Ao cruzar a linha de chegada foi só comemoração e o desejo de voltar e fazer tudo novamente.

E o desafio não acabou. Apenas começou e nosso próximo será a XII Maratona de Revezamento Vanderlei Cordeiro de Lima - Pare de Fumar Correndo. Causa nobre, pois incentiva as pessoas a lutarem contra o tabagismo e ainda ajuda instituições assistenciais. Cada equipe inscrita doa ao menos duas cestas básicas, visto que essa prova não tem taxa de inscrição. Aos que não correm convidamos a participar, sair do sedentarismo, vencer o tabagismo e viver emoções que só a corrida proporciona.

Corra por uma causa, apresente o mundo da corrida a sua família e seus amigos. Nós encontramos no dia 30 de agosto. Até lá.

Suelen Servilheri - Supervisora Opec e Artes

E como um grupo coeso todos quiseram participar e dar um depoimento, compartilhar conosco um pouco da sua primeira experiência numa prova de rua, e claro, sua expectativa no revezamento pare de fumar correndo. Assim, abrimos aspas para os nossos mais novos atletas.


Alex Sandro Braga - Amplie
Alex Sandro Braga
A Maringá Running foi a minha primeira corrida e posso dizer que, melhor que vencer os desafios juntos, em equipe é conquistar metas e saber que podemos ir muito além.

E é com esse espírito que vou para a Maratona de Revezamento Vanderlei Cordeiro de Lima. Quero mais uma vez vencer nossos obstáculos e trabalhar em equipe sabendo respeitar e motivar uns aos outros.

Alex Sandro Braga - Assistente Administrativo


Daniel Ramires - Amplie
Daniel Ramires
A ideia de correr começou com uma brincadeira, aquele tipo de promessa que a gente faz sem pensar, mas quando todos do grupo decidiram correr juntos eu pensei, acho que o negócio está ficando sério!

E assim começamos a treinar até chegar o grande dia dos primeiros 5 km. Um dia de ansiedade, um dia de superação. Sentir a alegria de receber a primeira medalha foi incrível, e essa sensação que me faz querer mais, e a prova de revezamento é o próximo desafio, uma prova ideal para demonstrarmos a força deste grupo de amigos que resolveu ter uma vida melhor se divertindo, e será assim, todos correndo por todos e com certeza no final todos sairemos vitoriosos!

Daniel Ramires - Assistente de WebDesign


Fabiane de Freitas Lelli - Amplie
Fabiane de Freitas Lelli
A experiência de ter participado da minha primeira corrida foi inexplicável. Quando iniciamos os treinos imaginei que não iria ser nada fácil pelo fato de nunca ter participado de provas assim.

A sensação de concluir os 5 km foi maravilhosa, ainda mais com uma equipe sensacional e divertidíssima. Acredito que participar da prova de revezamento vai nos proporcionar muito mais que uma simples corrida, e sim aumentar ainda mais nosso espírito de equipe que já existe entre nós.

Fabiane de Freitas Lelli - Assistente de Artes


Fabrício Oliveira - Amplie
Fabrício Oliveira
Participar do Circuito de Corridas Maringá Running como minha primeira corrida foi fundamental para minha qualidade de vida e saúde, um exemplo de superação e desafio.

Fazer parte da prova de revezamento Vanderlei Cordeiro de Lima "Pare de fumar Correndo" será trabalho em equipe, pois a união faz a força e juntos alcançaremos as metas e objetivos!



Fabrício Oliveira - Assistente Administrativo


Leonardo Zani - Amplie
Leonardo Zani
Fiquei dominado pela adrenalina de correr. É muito bom ver as pessoas unidas pelo fato de se divertirem, dá vontade de correr todas as provas.

A maratona de revezamento é a próxima e a minha expectativa é muito grande, por ser uma corrida em grupo onde um depende do outro, acredito que a energia vai ser bem maior, então que venha a XII Maratona de Revezamento Vanderlei Cordeiro de Lima "Pare de fumar Correndo"!!!

Leonardo Zani - Assistente de Artes


Letícia de Oliveira Prado - Amplie
Letícia de Oliveira Prado
Se há uma palavra capaz de descrever o sentimento de concluir a primeira corrida essa palavra é gratidão. Pelo esforço, dedicação e empenho de cada um ao realizar a prova, estivemos juntos do início ao fim, nos divertindo e com a sensação de dever cumprido.

Para mim, correr é uma vitória e a expectativa para a maratona de revezamento é manter o espírito de equipe mesmo cada um correndo por si, afinal somos mais do que isso, somos amigos e pensar em resultados nos afasta do nosso principal objetivo: união e diversão.

Letícia de Oliveira Prado - Arte Finalista


Malú Chamse Ddine - Amplie
Malú Chamse Ddine
Aceitar o desafio de participar de uma corrida pela primeira vez não foi nada fácil.
E a meta era corrermos juntos até o fim para que um motivasse o outro e isso causava um pouco de insegurança, medo e, ao mesmo tempo, responsabilidade de pensar na equipe como um todo.

O mais importante de correr em equipe é a força e apoio que passamos. Cada corrida é uma experiência inexplicável com certeza, e a corrida do revezamento será mais um desafio, afinal, somos movidos por desafios!

Malú Chamse Ddine - Assistente Administrativo

A maratona de revezamento é uma das provas mais interativas que existe, para a maioria dos grupos são mais de quatro horas de corrida, assim um grupo muito unido permanece a prova toda ali, um incentivando o outro até o último integrante entrar na XV de novembro para finalizar a prova.

Alguém tem alguma dúvida de que eles irão de mãos dadas para cruzar a linha de chegada? Eu não, com a mesma alegria de todos os treinos assim eles desejam terminar mais esse novo desafio.


Dark Runners união e diversão - Foto: Sandro Cabral
Dark Runners união e diversão - Foto: Sandro Cabral


Por fim, desejamos sorte e boa prova ao grupo. Torcemos para que a inciativa deles possa motivar outros a participar da maratona de revezamento pare de fumar correndo. A prova será dia 30/08 em Maringá, as inscrições são limitadas a 300 equipes, quem não quiser ficar de fora deve se adiantar, para mais informações sobre a prova clique aqui.

Se você acha que teu grupo que está se preparando para a maratona de revezamento tem uma história bacana, quer compartilhar conosco, entre em contato.



 COMENTÁRIOS (0)

Faça seu login no topo da página para enviar seu comentário, se você ainda não é cadastrado clique aqui.