E o final de semana foi de aventura no litoral. Fomos até Pontal do Paraná, pegamos a barca e com pouco mais de vinte minutos chegamos na famosa Ilha do Mel, paraíso ecológico com uma paisagem exuberante. Lugar que abriga excelentes pousadas e uma culinária peculiar sensacional. Local tranquilo, com uma paz incrível que remete ao espiritual, uma verdadeira conexão do homem com a natureza.

 

Mas vamos deixar de lado essa calmaria, porque o final de semana foi de sacodir a Ilha, o final de semana foi de Amazing Runs – etapa Ilha do Mel. Sábado e domingo de competições e os aventureiros puderam optar por provas de 6k e 14k no sábado, 9k e 22k no domingo. E ainda puderam optar em participar do desafio do Butuquinha (6k no sábado + 9k no domingo), ou o desafio do Butuca (14k no sábado + 22k no domingo).

 

Chegando na Ilha você já sente um vibe diferente, uma boa estrutura montada bem próxima ao desembarque já nos sintoniza no ambiente da corrida. Pórtico e pódio montado, tendas da organização e entregas de kit, sonzera rolando, galera no alonga e muitas fotos e Selfies no backdrop.

 

 

Tudo pronto para a largada, mas o clima não colaborou muito, no sábado temperatura até que estava agradável, mas o céu escuro e carregado já dava sinais de que viria muita chuva. A prova no sábado até rolou sem grandes contratempos, só uma chuvinha fraca no final e o vento forte típico das áreas beira mar, deixaram a prova mais desgastante. Percursos que alternam areia fofa, areia batida na beira do mar, trilhas na mata e uma grande diversidade de terrenos, tudo muito bem sinalizado, vários staffs e pontos de hidratação (vale o registro que a galera respeitou legal e não jogou lixo no percurso), preservar é preciso. A galera encarou numa boa e ao final os comentários foram que: "o percurso é fantástico e o mais difícil é concentrar só na corrida e não parar para admirar a paisagem", parece que quem corre muito por aqui, perde o espetáculo.

 

Terminado no sábado, para quem optou pelos “Butucas”, era hora de descansar porque no domingo tinha mais e os percursos ainda maiores. Mas sábado a noite o tempo fechou e um temporal desabou na ilha, ventos fortes e uivantes chegaram a assustar. No domingo a chuva não deu trégua e a organização foi obrigada a atrasar a largada e fazer alterações no percurso para garantir a segurança de todos. Mas como diz o velho ditado, quem está na chuva é para se molhar e ninguém é feito de açúcar, foi dada a largada debaixo de chuva mesmo. Chuva que alternava forte e fraca, somada ao percurso bastante encharcado e pesado, deixou o desafio hard e a maioria cruzou a linha de chegada bastante exausto, feliz e certo do dever cumprido, de alma literalmente lavada.

 

Ao final os atletas foram recebidos com frutas, boa hidratação e dupla premiação, uma linda medalha da prova e outra do desafio. Houve ainda premiação geral, categorias faixa etária e claro, o pódio dos desafios (Butuca e Butuquinha).

 

Certo é que, todos que passaram na ilha regressam às suas casas mais leves e com boas energias, prontos para os desafios do dia a dia!

 

Parabéns a todos! Vocês são brilhantes!

Clique aqui e confira os resultados